Jovem talento da seleção sub-17 recorda sua última participação no Bom de Bola

10/10/2017
No esporte os talentos se mostram capazes ainda muito jovens. A trajetória da menina Rafaela Levis Marostica, ex-jogadora do Bom de Bola, reforça ainda mais esta tese. A atleta de 14 anos, que prefere ser chamada de ‘Rafa’, alcançou a seleção brasileira sub-17 menos de um ano após sua participação no projeto que despertou seu interesse pelo futebol.
 
“Eu descobri o que queria no Bom de Bola e sempre foi uma alegria jogar as partidas ao lado das minhas amigas da escola”, ressalta Rafa.   
 
A jovem meia  jogou o Bom de Bola até ano passado pela Escola Antonio Minella, de Farroupilha. “Joguei em vários anos, mas nosso time foi mais longe em 2016. Tínhamos um sentimento de união, muita vontade de jogar e se divertir em campo” recorda saudosa.
 
Logo após o torneio a jogadora que também atua como atacante pela esquerda deu continuidade a sua história no esporte. Hoje ela joga em duas equipes, pela Chapecoense no Brasileiro Sub-16 e pelo Mundo Novo, de Três Coroas, onde disputa a modalidade adulta do Campeonato Gaúcho. 
O desempenho nas partidas pelos times em que atua levou a atleta a conquistar neste ano uma vaga entre o elenco da seleção brasileira sub-17. “Meu sonho sempre foi chegar a seleção brasileira, e mesmo tendo conquistado muito cedo continuo meu trabalho sem perder o foco”, garante a talentosa Rafa.